quinta-feira, 4 de fevereiro de 2010

para as pessoas legais






Ser humano: substantivo composto; masculino.
Um ser bípede, mamífero, com poucos pêlos, habitante do Planeta Terra em várias regiões, boa capacidade de reprodução e adaptação, onívoro, capacidade ilimitada de ser estúpido, cruel, arrogante, pretensioso e prejudicial ao planeta.

Escola: substantivo simples, feminino.
1. Estabelecimento público ou privado onde se ministra ensino coletivo.
2. Os alunos, professores e pessoal duma escola.
3. Sistema ou doutrina de pessoa notável em qualquer dos ramos do saber.
4. O inferno de todas as pessoas rejeitadas pela sociedade.

Dizem que a vida é complexa. Eu digo que a sociedade é bem simples de se entender: se você entrar numa escola cheia de pessoas ricas e for pobre, você é loser. Se você entra numa escola pública de periferia e tu és uma garota patricinha de alta sociedade, você é metidinha. Se você mora em uma cidade cheia de pessoas cristãs fervorosas e anda com um pentagrama, camiseta de banda ou simplesmente diz que religião é merda, você é do diabo. Se você é gordo, nerd, otaku, gótico, hip hop ou qualquer merda de rótulo que inventaram, você é excluído, ou seja, danou-se porque todas essas pessoas que formam a maioria vão olhar pra você, achar que você merece uma surra só por ser diferente e são otários demais para perceberem que ao não aceitarem a diferença, são piores do que qualquer ser que possa povoar a terra.

O ser humano é o próprio inferno. Não há raça mais desgraçada, imunda, pérfida e preconceituosa do que a raça humana. Porém ela também é cheia de arte, cultura, amor, beleza e coisas boas. O probleminha aqui é que os desgraçados que estudam nas nossas escolas não sabem disso. Eles pensam - nós pensamos - que é legal falar coisas feias pra pessoas que mal conhecemos. Eles pensam que as piadas idiotas são legais. Eles pensam que é legal falar mal de alguém, envenenar e serem falsos e cruéis. Eles acham tudo isso legal, porque afinal a pessoa "gordinha" não merece o mesmo respeito que uma "magra". E isso não é de hoje. Isso vem de muito, muito além. Isso é da própria raça.

Antigamente fazíamos muito mais guerras por motivos torpes como "essa terra é minha" ou qualquer besteira do tipo. Também escravizamos pessoas por causa da cor da pele, demonizamos religiões de países diferentes, e até hoje fazemos isso. Porque não sabemos o que é fazer parte de uma raça legal que coopera com a diversidade e etc etc etc. Não, preferimos rotular pessoas, preferimos maltratar pessoas por causa da mínima diferença. E as pessoas sofrem com isso, elas acham que são inferiores, menores e o resultado é ou a sala da terapia ou assassinatos em massa que termina com o suicídio do assassino.

Bem, eu não acho que vá mudar a cabeça de alguém, porque geralmente os meus leitores são pessoas legais que não fazem isso e dão algum orgulho para a raça humana. Mas se algum dia você levar as palavras que digo para frente, eu agradeceria. E as palavras simplesmente são: retardados seres que fazem bullying: vocês são a escória da humanidade. Vocês são a desonra, a podridão, o pior que há nesse mundo. E para aqueles que sofrem, para aqueles que são humilhados, não fiquem assim. Não se sintam tão por baixo, porque quem tem que estar por baixo são essas pessoazinhas, seres vivos cujos cérebros estão contaminados pelo egoísmo e fracasso. Não se sintam um fracasso porque estão acima do peso, não se sintam insignificantes porque seu cabelo não é da moda, não fiquem tão acanhados porque gaguejam. Se o mundo for cruel, não se sintam mal por causa disso. O mundo é cruel com todo mundo, e não há uma única pessoa boa que essa sociedade merece. Porque as pessoas são tão malvadas aqui e ali, mas isso não quer dizer que todos sejam. Aquelas pessoas boas existem, e tudo que poderemos fazer é resistir aos insultos e sorrir.

Faça seu dia feliz sorrindo de forma sacana pra aquele que humilha. Não há nada mais humilhante para um agressor do que ver que a pessoa está pouco se lixando para os insultos. Mas essa postura tem que ser de dentro pra fora, e não um disfarce (:



P.S.: e lembrem-se que Bill Gates, Tom Cruise, Taylor Swift, Jessica Simpson, Orlando Bloom, Cristina Aguilera e até a Victoria Beckman (siiim, aquela cheia de grana e estilo) sofreram humilhações. Foram constantemente atacados por vários motivos. Quem ri por último ri melhor.



Cristina Aguilera, olhar de blasé. Os idiotas não conseguiram acabar com a auto-estima dela, ok

4 comentários:

Blanca disse...

Amei. Amei. Se não ganhar o 1º a Aleksandravicius faz barraco.

- luna. disse...

@___@
obrigada, Blanca *0*

Laís Dourado disse...

Nossa, concordo mesmo, adorei o texto, com certeza merece ganhar! ;)!
ps. E o Calvin então, ele sozinho merece uns mil prêmios, adooro!

izze disse...

adoro o ser humano, odeio gente.